quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Morreu Milce Trindade. Adeus Minha Tia.

 Foto: Tia Milce aos 93 anos. Sua última visita a Fernando Pedroza.





Morreu hoje em Fortaleza as 11 horas, a matriarca da família Carvalho/Trindade, quando ia completar agora em Setembro 94 anos, Milce Carvalho Trindade.Tia Milce, dedicou a sua vida a família e a Fernando Pedroza, onde residiu e constituiu uma prole de 06 filhos. Nas décadas de 70/80, D. Milce como era carinhosamente tratada pelos Pedrozenses, era uma mulher avançada para a época, quando as coisas eram bastante dificies. Inovadora nas suas ações, criativa por natureza, hábil no trato com as pessoas e possuidora de uma liderança  incosteste, Tia Milce tentou modificar os  hábitos e costumes dos pedrozenses,  quando o associativismo era algo estranho para a época. Criou o clube de mães, despertando assim, no seu povo, uma nova mentalidade, onde as mulheres começaram a despertar e procuraram sair da subserviência, algo comum para os princípios da época. Foi incentivadora da criação do primeiro mini posto de saúde em Fernando Pedroza. A sua preocupação com a saúde e bem estar do seu povo era uma constante. Procurava entrar em contato constantemente com o executivo municipal Angicano, a fim de trazer para o lugar  beneficios para a sua comunidade. A instalação da maternidade, foi um dos seus sonhos, dando a mulher Pedrozense o direito de parir em sua cidade, com as devidas condições de bem estar e saúde. Nunca se envolveu com politica partidária, pois tinha um pensamento que para ajudar ao povo, necessariamente, deveria existir primeiramente boa vontade e amor a terra. Fez parte como membro, da Comissão de Emancipação Político/Administrativa na década de 80, onde fazia questão de participar de todas as reuniões, com a sua experiência e liderança, a fim de tornar Fernando Pedroza território livre e soberano do julgo Angicano. Advinda do município de Santana do Matos, Tia Milce era a segunda filha do casal João Junqueira de Carvalho e Maria Sabina Braga de Carvalho, moradores do Sítio Serra do Gado, onde nasceu. Descendente das famílias, Braga, Carvalho, Assunção e Guimarães, Tia Milce foi um pilar, um ícone, que se destacou nessas tradicionais famílias de raízes Santanenses.  Casou-se com Luiz de França Trindade, agricultor, chefe de família, filho de Miguel Trindade, um dos responsáveis pelo desenvolvimento e criação do povoado de São Romão no final do século dezenove e início do século vinte, onde aqui residia. Tia Milce tinha um hábito constante na sua vida. A boa leitura. Eu a considerava uma auto didata, pois sem recursos acadêmicos, era uma mulher intelectual e preparada para a vida. Ainda em vida, a Câmara M. de Fernando Pedroza, através de um Projeto de Decreto Legislativo, lhe conscedeu o nome de um conjunto residencial, no Auto Miguel Trindade, construído nas terras outrora pertencentes ao seu marido, e doadas por seu filho, o Cel do Exercito Brasileiro, Anchieta Trindade. Os feitos e as ações de Tia Milce em Fernando Pedroza, são muitos e marcantes. Inalteceria por fim, a sua dignidade, honradez e amor a terra que adotou para viver e criar seus filhos. Deus a tenha em bom lugar, minha Tia.                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                    

terça-feira, 30 de agosto de 2011

O Cajarana Noticia

PROGRAMA TERRA PRONTA

... O Programa Terra Pronta beneficia 17 municípios onde há exploração de petróleo, terão suas terras aradas e receberão sementes selecionadas para o plantio ...

O Governo do RN, através da Secretaria de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca – SAPE, Emater, Petrobrás e as prefeituras municipais estão melhorando a vida de 10 mil famílias potiguares. Com o programa Terra Pronta, agricultores de 17 municípios onde há exploração de petróleo estão tendo suas terras aradas com trator e receberão sementes selecionadas para o plantio. Todo o trabalho, do corte das terras à colheita, será acompanhado por técnicos da Emater. Com o programa Terra Pronta, os governos federal, estadual e municipal estão levando mais qualidade de vida e cidadania para o homem do campo.




segunda-feira, 29 de agosto de 2011

PARA PENSAR:
“Aprenda com o ontem, viva para o hoje e tenha esperança no amanhã”
Thomas Jefferson

PARA REFLETIR:
“Você nunca irá realmente perder, enquanto continuar a tentar”
Mike Ditk

Alô Fernando Soares-Excelente Yogurte

Durante a expo Lajes, tive o prazer de conversar com um dos  blgueiros mais atuantes do nosso estado. O presidente da ACAVUJ, o  filho de Zé Soares, Fernando Soares. Homem simples, palavra fácil, formador de opinião, que muito honra as terras de Afonso Bezerra. Faz um trabalho associativista com um sacrificio enorme, no intuito de divulgar e ampliar os produtos advindos do laticinio de sua região, que tive o prazer de degustar durante a exposição. Grande Fernando, vá em frente. Se Deus é por nós, quem poderá ser contra nós. Um grande abraço. Anilton Souza

Emparn e Emater promovem curso de transferência de embriões de bovinos no CVTBL de São Gonçalo...



EMPARN e EMATER-RN PROMOVEM CURSO DE TRANSFERÊNCIA DE EMBRIÕES DE BOVINOS NO CVTBL DE SÃO GONÇALO


            No período de 27/09 a 01/10 a EMPARN e a EMATER-RN estarão promovendo no Centro Vocacional Tecnológico de Bovinocultura de Leite do RN – CVTBL, curso de transferência de embriões de bovinos para 10 médicos veterinários do Estado.

            O Curso será ministrado pelo Médico Veterinário Dr. Eduardo Ramos de Oliveira, especialista da Biotran – Biotecnologia e Treinamento em Reprodução Animal, com sede em Alfenas – MG.

            Participam do curso veterinários da EMPARN, da EMATER-RN, da iniciativa privada e bolsistas. Como o CVTBL tem entre uma de suas principais áreas de atuação a reprodução de bovinos , procurar-se-á formar um grupo de técnicos inter institucional, para dar continuidade aos trabalhos de transferência a serem realizados pelo Centro.

            Paralelamente ao Curso está sendo realizado um processo de TE com sete matrizes elite dos rebanhos Pardo-suiço, Gir, Guzerá e Sindi da EMPARN, contando com 40 receptoras sincronizadas para recebimento dos embriões.           

EMPARN-Serviços

GALINHA CAIPIRA

A Galinha Caipira apresenta boa produtividade em carne e ovos, além de preservar a rusticidade da galinha caipira comum ("pé-dura"). A EMPARN desenvolve pesquisas e comercializa a linhagem ISA-S-757-N, de origem francesa, que serve como poedeira e ave de corte. Ela se adapta muito bem ao ambiente do sertão e apresenta as seguintes características:
Comparação entre a linhagem ISA-S-757-N e a Caipira Comum
CARACTERÍSTICAS
ISA-S-757-N
Caipira Comum
Peso da galinha adulta
2,0 a 2,2 kg
1.5 kg
Peso do galo adulto
2,4 a 2,8 kg
2 kg
Produção de ovos/ano
230 a 260 ovos
80 a 90 ovos
Choco
muito raro
Freqüente
Idade de início de postura
4,5 meses
5 meses
Resistência a doenças
Boa
Boa
Idade para descarte
24 meses
-

PREÇO DE COMERCIALIZAÇÃO
Pinto de 01 a 07 DIAS (fêmea ou macho)

Linhagens:
- Embrapa 51*: postura
- Paraíso Pedrês: corte
- Carijó: corte
Unidade
R$ 1,50
Linhagens:
- Isa Label*: dupla aptidão (corte e postura)

Unidade

R$ 1,50
* Animais sexados:identificação de machos e fêmeas

Contato:

Setor Produção e Comercialização
(84) 3232-5870

EMPARN-Certificado de Excelência



O laboratório da Empresa de Pesquisa Agropecuário do Rio Grande do Norte –EMPARN recebeu, mais uma vez, o Certificado de Excelência do PAQLF 2011 da Embrapa Solos.

O  Programa  de  Análise  de  Qualidade  de  Laboratórios  de  Fertilidade, desenvolvido  pela  Embrapa  Solos,  gera  um  certificado  de  excelência  que preenche  os  mais  rigorosos  parâmetros  de  avaliação  dentro  do  Manual  de Métodos de Análise de Solos da Embrapa.

De acordo com o ofício de notificação encaminhado ao Gerente do Laboratório Alfredo  Azevedo,  "Tal  Certificado  é  o  coroamento  do  excelente  trabalho executado  pela  equipe  de  seu  laboratório  durante  o  ano  de  2010,  e  também o  reconhecimento,  por  parte  da  Embrapa,  do  alto  nível  analítico  alcançado durante o último exercício interlaboratorial".

A  obtenção  do  selo  de  qualidade  Embrapa  Solos  credencia  o  laboratório  da EMPARN  como  uma  referência  nacional,  entre  os  56  laboratórios  em  todo  o Brasil.

O  laboratório  da  EMPARN  tem  um  funcionamento  abrangente:  atende  aos interesses  de  pesquisadores  de  instituições  de  pesquisa  e  fomento  agrícola, empresas,  indústrias,  cooperativas,  produtores  e  alunos  de  pós-graduação, nos aspectos de interesse da pesquisa básica, e também para fins práticos de uso, manejo e conservação do ambiente.

EMPARN-Nova Gestão-Novas Pesquisas

A produção animal representa um dos fortes focos de atuação da EMPARN, não apenas na área de pesquisa, mas também em projetos de desenvolvimento e de capacitação de produtores, técnicos e estudantes.
Na bovinocultura de leite, a Empresa desenvolve um importante trabalho de seleção e melhoramento das raças zebuínas leiteiras, Gir, Guzerá e Sindi, voltado para a produção de leite à pasto e cruzamentos com raças européias. Na raça Pardo-suiça leiteira, apresenta excelentes resultados de adaptação e produtividade em pleno sertão do Seridó potiguar.
As tecnologias geradas ou adaptadas pela EMPARN na área de produção animal têm como demanda principal a agricultura familiar. Nesse sentido, sistemas de produção como o de aves caipira, as instalações rústicas para a caprinovinocultura, o secador solar para a produção de fenos triturados, a formação de reservas estratégicas de forragem, o manejo das cactáceas nativas, são alguns resultados disponíveis para apropriação pelos produtores, pela adequação ao contexto socioeconômico ambiental da região.
Na caprinovinocultura a EMPARN dispõe, na sua Estação Experimental de Cruzeta, de quatro rebanhos caprinos leiteiros em avaliação, das raças Saanen, Parda Alpina, Alpina Americana e Toggenburg. Na Estação Experimental de Terras Secas, Pedro Avelino-RN, mantém núcleos de preservação e avaliação de raças nativas como os caprinos Canindé e Moxotó e ovinos deslanados Morada Nova.
O Projeto Pró-Ave Caipira, estruturado na Estação Experimental de Caicó, já disseminou por todo o Estado e até estados vizinhos, seus resultados de sucesso na geração de emprego e renda e produção de alimentos mais saudáveis. A unidade conta com incubatório com capacidade de produção de 50 mil pintos mês.
A piscicultura de águas interiores também apresenta resultados positivos no cultivo de tilápias em tanques-redes, como os alcançados por associações de pescadores no açude de Santa Cruz, Apodi-RN.
Uma das principais ênfases do Programa de Produção Animal da EMPARN através dos tempos, têm sido a disponibilização de informações técnicas para os produtores. A Empresa inovou no processo de transferência de tecnologias quando realizou por 10 anos consecutivos as “Semanas de Ensilagem e Fenação”, que muito contribuíram no processo de adoção de tecnologias de armazenamento de forragens. Posteriormente, desenvolveu e implementou o “Circuito de Tecnologias Adaptadas para a Agricultura Familiar”, que se encontra na sua quinta versão, capacita mais de 3.000 produtores e técnicos por ano, melhorou sensivelmente a articulação pesquisa x extensão e atua em seis a sete regiões do estado. No Circuito, anualmente são incluídos temas como a produção higiênica do leite, a qualidade da forragem, armazenamento de forragens, bovino e caprinocultura de leite, sistemas de produção de aves caipira, entre outros.
Paralelamente, aos projetos de desenvolvimento e capacitação, a Empresa desenvolve um intenso programa de pesquisa em conjunto com universidades como a UFRN, UFRPE, UFPB, UFERSA, Centros de Pesquisa da Embrapa, Empresas Estaduais de Pesquisa, que dá origem a Monografias, Dissertações e Teses, além de publicações de naturezas diversas.

Defensivos que Matam-Fique Atento